EXPERIMENTE E COMENTE

Poeta Mário Querino 25/12/2015


Alguém falou ao amigo:
“Amigo, aquele cara
Está com muita raiva,
É só o que ele me fala


Quando me encontra.”
O amigo lhe indagou:
“Raiva de que amigo?
Por que crente eu sou?


Ele nunca demonstrou
Que tem raiva de mim.”
Alguém continuou
A conversa bem assim:


“Ele me falou que tem
Muita raiva de você,
Porque você é crente
E diferente quer viver.”


O amigo crente falou:
“Enquanto ele tem raiva,
Eu continuarei orando
Mais do que eu orava


Por sua vida e libertação.
Não tenho nada contra
Esse grande amigo meu.”
Um dia o amigo encontra


Aquele cara tão enraivado
E saúda: “A paz amigo meu,
Está tudo bem com você?”
O cara disse: “Graças a Deus!”


Daí começaram a conversar.
O bate-papo foi tão ideal
Que o sorriso apareceu
Como não tinha visto igual.


Passados uns dias alguém
Encontrou o cara e falou:
“Já tens paz com o irmão?”
O cara disse com vigor:


“Cara, o cara é gente boa...
Eu estava muito enganado.
Ele orou na minha cabeça,
E logo fiquei bem aliviado.


Minha ira estava deixando
Eu completamente cego,
Eu não via a sua bondade,
E agora jamais eu carrego


Ódio contra um crente.
Eles só querem ver o bem,
Nós que não entendemos
E falamos mal deles também.


O cara é gente boa, amigo,
Podes crer, ele está certo.”
Alguém falou: “Já queres ser,
Só por que ouviste de perto?


O cara falou: “Seria o ideal,
Porém, vou estudar a Bíblia,
Quem sabe me apaixone
E mude o percurso da vida.”



Mário Querino – Poeta de Deus 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

ADOLESCÊNCIA DE MARIA JOSÉ

DIA MUNDIAL DA SAÚDE