segunda-feira, 29 de outubro de 2018

TEM O TEMPO DE FALAR, ESCREVER E COM ATENÇÃO LER

Poeta Mário Querino 28/10/2018



Tem o tempo de falar
E o tempo de escrever,
Tem o tempo de parar
Para com atenção ler.


Tem o tempo de revelar
O que tem um coração,
Tem o tempo de guardar
A boa ideia ou opinião.


Agora, parece que citei
O que eu tinha de citar.
Então, dar baixa pensei,
Na Internet e não gastar


O meu tempo mais não.
Não quero computador,
A minha ideia ou opinião,
Realmente já mudou.


Por enquanto vou ficar
Apenas com a Internet
Do meu simples celular
Depois a gente esquece,


Cuidando sim de outras
Atividades no Distrito.
Não é uma ideia louca,
É o meu tempo pra isso.


Chegou o tempo mudo,
A liberdade de eu redigir
Chegou o limite de tudo,
Surdo, cego e mudo aqui


Vou passar um período.
Não vou expor opinião
Nem ideias. No sentido
Não há mais satisfação.


Mário Querino – Poeta de Deus  

PEGA PARA COMER, Ó CARA, TUDO ISSO É DE VOCÊS!




Ontem, dormir mais cedo
E hoje me acordei mais
Cedo também. Realmente,
Para solicitar a Deus Pai


Tudo que for necessário
Para todos viverem bem
Nos campos, nas cidades
E aonde há vida também.


Então, eu sonhei assim:
Fui com os meus filhos
Às margens do nosso rio
E tinha capim no trilho.


E no meio desse capim
Tinha uns pés de frutas,
Aonde eu e meus filhos
Colhíamos. E um escuta:


“Pega para comer, ó cara,
Tudo isso é de vocês!”
Então o meu filho desceu
Confiante mais uma vez


Para a parte mais baixa
Da margem do Rio Aipim.
Obviamente por dentro
Do grande verde capim.


Daí eu comecei a colher
Umas frutas maduras.
Foi um bom momento
De ledice e muita fartura.


Então, eu pensei assim:
O avô de D. Maria José
Era um homem simples,
Devoto e de muita fé.


Então um dia ele disse
Assim também naquela
Hora de diálogo comigo:
“O Senhor abre a goela


Quando tira os dentes.”
Então, nunca tive medo
De encarar a minha vida,
Não acho que há segredo


Pra viver bem no Planeta.
Basta procurar entender
Que Deus é o Senhor
Do comando deste viver.


Deus não criou o homem
Presente, sábio e poderoso,
Mas criou para Lhe adorar
E formar um grande povo.


Deus não carece presença,
Porque Ele é Onipresente,
Não precisa de sabedoria,
Porque Ele é Onisciente,


Deus não carece de poder,
Porque Ele é Onipotente.
Então, se já sei disso tudo,
Por que amofinar a mente?


Agora espero no Senhor,
E tudo Ele fará por mim,
Por minha família e todos,
Não sejam receosos assim.


Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 29/10/2018


domingo, 28 de outubro de 2018

CHUVA CAIU NO DISTRITO DE BANANEIRAS NESTE BOM DOMINGO







As 19 horas e 20 minutos
O Céu de Bananeiras,
Derramou muitas águas,
Não sei de qual maneira,


Se de tristeza ou alegria.
Mas o Céu chorou sim,
E vou estudar o motivo,
Quem sabe, até ao fim


De 2 anos alguém reflita
E se lembre desta poesia,
Espero que guarde bem
Com cuidado e sabedoria.


Pois esta chuva de hoje
Vai ficar marcada sim,
Na tábua de cada coração
Principalmente em mim,


Se não puder reproduzir,
Que amigo reproduza
Para todo mundo saber
Que escrevo sem dúvida.


Claro, a chuva já se foi
E tudo está tranquilo,
Bananeiras se alegrou
Mas há o grande sigilo


Que somente a 2 anos
Podemos vê-lo à vista.
Vou estudar mais sim,
Com Amor, Fé e Justiça


O motivo desta chuva
Que caiu de repente
Para alegrar este povo
Que foi de fato, ciente...


Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 28/10/2018


TROVOADA QUER VISITAR O DISTRITO DE BANANEIRAS




Está preparando trovoada
No Distrito de Bananeiras,
Tomara que ela chegue
Para extinguir esta poeira.


O povo está mais votado
Pra escolher o Governo,
O Senhor já está notando
E já sabe de seus almejos.


O Poeta Mário Querino,
Fica só nesta expectativa,
Porque Governo não vai
Mover-se na minha vida


Pessoal, porque procuro
Sempre marchar certo,
Para não dar trabalho
Nem ficar tão disperso


De minha Comunidade.
Pois do que me serviria,
Eu me achar o tal,
Sem ter paz e alegria?


Mário Querino – Poeta de Deus  

Poeta Mário Querino 28/10/2018


O QUE ACHARIA BOM FAZER?

Poeta Mário Querino 28/10/2018



Alguém assim perguntou:
“O que acharia bom fazer?
Dormir? Trabalhar? Auferir
Muito dinheiro?” Rebater


Como?  Respondi: Dormir
Não seria, perderia tempo,
Trabalhar não seria tudo,
Pois afligiria pensamentos,


Ganhar muito dinheiro
Não, abafaria a liberdade.
Então alguém perguntou
De novo por curiosidade:


“Afinal de contas, gostas
De fazer o que na Terra?”  
Redargui: Sentar e escrever
Poesia neste pé de serra,


Brincar com as palavras
Sem nenhuma maldade,
Partilhar com amigos
De campos e de cidades,


Dar um sorriso contente
Para quem me olhar
Com a sua cara aguçada,
Vigiar minha vida e ficar


Momentos de oração,
Contemplar o mundo
Com olhar operacional
Não vacilar um segundo,


Continuar bem atento
Para não se iludir,
Fazer tudo com amor
Para os amigos daqui.


Mário Querino – Poeta de Deus

CHEGOU O DIA DE USAR A SABEDORIA QUE O SENHOR DEUS DÁ

Poeta Mário Querino 28/10/2018



Hoje é Domingo sim,
O Dia do Senhor,
Dito por Constantino,
Um antigo Imperador.


Hoje, também é o Dia
Em que os brasileiros,
Com direito e liberdade
Têm sim o dia inteiro


Pra indicar o Presidente
Que passará 4 anos
Governando nosso país,
Não estou hoje tirando


O Direito da Democracia,
Apenas estou avisando
Que votem com saber
E não ficarem achando


Que nosso Jesus Cristo
Não deu a sabedoria,
Não mostrou o Direito
De uma Democracia.


Eu que já sofri na pele,
Posso escrever assim.
Pois há 33 anos passei
Por um momento ruim,


Exatamente no dia 12
De março de 1985 sim,
Quando cheguei à-toa
Em S. Paulo. Polícia ruim


Não tinha a informação
Dos Direitos Humanos.
No dia 10 de março
De 1985, como baiano,


Deixei meu bom Distrito,
E fugi para S. Paulo.
Quando lá eu cheguei,
Sinceramente eu falo


Que a Polícia me pegou,
Torturou, me prendeu
E depois me conduziu
Ao Hospital. Alguém deu


Uma prescrição médica
E me aplicaram injeção.
Depois mandaram eu ir...
Daí eu sair sem direção.


Hoje em dia, não ocorre
Mais esse processo,
Porque a Democracia
Está bem mais perto


De nosso povo brasileiro.
Então, temos 2 irmãos,
Apenas um será o Chefe,
Hoje é Dia duma decisão,


Não importo se eu perder
A visão duma Democracia,
Mas já tenho em mente
Quem pode trazer alegria.


Obviamente eu já decidir,
Mas você tem sua opinião
Pra decidir feliz também,
Só não quero reclamação,


Porque a decisão é sua.
Então pense, fale e opere
Com muita sabedoria,
Hoje, não se desespere,


Você tem o dia inteiro
Pra se decidir e escolher
O Governo Democrático,
Sê cônscio do que fazer.  


Mário Querino - Poeta de Deus

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

PASSES A MOTIVAR O QUE SEU FILHO GOSTA, QUE ELE ACHARÁ QUE PEGAS NO PÉ DELE, E DISSO ELE DESISTE

Poeta Mário Querino 26/10/2018



Um pai tinha dois filhos
Que amava de coração.
Então eles crescendo,
Seguiam outra direção.


Um começou a beber
Bebida forte sim.
O pai começou a falar:
“Filho, sua vida terá fim.”


Assim advertia o filho,
E ele não dava ouvido.
Achava que seu pai era
De duende sem sentido.


Porque bom era beber
A bebida que gostava,
É óbvio, chegar bêbado
Zoando na sua casa.


Seu pai vivia sofrendo
Com seu querido filho,
Olhou para o Céu e disse:
“Deus, me dê um brilho


Para que eu possa ajudar
Meu filho melhor viver
No amado planeta Terra.”
Daí então veio um saber


Para esse pai restaurar
A boa conduta do filho:
“Homem nunca gostou
De seguir o bom trilho


Do pai. Então não peça
Pra ele deixar de beber,
E sim, comece a mandar:
“Bebe, bebe... Até morrer!”


Daí então o pai começou
A dar esse conselho
E seu filho percebeu sim,
Que já se achava alheio.


Pois o pai queria que ele
Morresse logo sim.
Então disse: “Meu pai
Quer ver o meu fim?


Porém, ele não verá não,
Vou deixar de beber
Bebida forte e ele verá
Que tem anos para viver.”


Claro, deixou de beber
A optada bebida forte.
E começou a trabalhar
Sendo homem de sorte


Boa. Então é a índole
Que o homem tem sim,
Para não obedecer,
Motiva o gosto até o fim


Que vai fazer o oposto,
A fim de não obedecer.
Pois isso é do homem,
O que a Lei manda fazer


Não faz, o que ela proíbe
É o que todo mundo faz.
Se a Lei mandasse matar
Ninguém seria capaz


De matar, pra ser contra
A Lei. Então motiva sim,
O que a pessoa quiser,
E depois fale para mim


Que tenho toda razão.
Pois quando o pai quer
O filho não quer saber,
Se não quiser vai fazer.


Mário Querino – Poeta de Deus  

SER CRENTE NÃO É TER VIDA DE LUXÚRIA

Poeta Mário Querino 26/10/2018



Alguém indagou assim:
“Por que pra nós crentes
É tudo difícil, alguém
Pode me responder?” Ciente


Dessa pergunta eu vou
Responder com alegria:
Não é nada difícil não,
Para quem tem sabedoria


Vinda do Céu. Pois já vi
Doutor se complicando
Em algo e um analfabeto
Concluir tudo brincando.


Se alguém quer ser rico,
Não é difícil ser, é só
Entender que a riqueza
Que nos deixa melhor,


Não é o dinheiro, a casa
Boa e bonita e o carro não,
É a sabedoria do Senhor
Que nos dá a compreensão


Que riqueza é um dom
Dado por Deus. Mas tem
Pessoas que não têm não,
Esse dom e quer também


Ser ricas, daí se afligem
E entram em depressão,
Daí procuram roubar,
Para ser igual a seu irmão.


Não entende que o Céu
É destinado aos pobres,
Que as riquezas da Terra
Ficam para os nobres


Que são da Terra e têm
Esse dom de ser ricos.
Quando vier dificuldade,
Dê um glória a Deus


E peça sabedoria para sair
Do problema que passas.
Só assim entenderás
Que não é difícil nem desgraça,


Mas o crente com a sua fé,
Entende que Deus é sim,
Das coisas impossíveis
E não de fáceis para mim.


Pois, se de tudo eu tivesse,
Obviamente, eu não seria
Um crente, e sim um deus
Que nada na Terra faltaria


E tudo eu poderia ter sim,
Fazer tudo, até evitar
Da Morte. Não indague,
Assim, senão a Bíblia não está


Servindo de nada para ti.
Ser crente, não é ter vida
Boa de churrasco, de festas,
De luxúria nem de bebidas,


Ser crente é sofrer a dor
Dos irmãos que padecem,
Ser crente não é ficar
24 horas acessando internet...


Mário Querino – Poeta de Deus

QUANDO A MENTE ESTIVER DESCONTROLADA, PROCURE UM BOM LUGAR PARA RELAXAR, O IDEAL É AONDE HÁ PROFISSIONAL ESPECIALIZADO QUE TENHA ÉTICA

Poeta Mário Querino 21/09/2019 (Dia da Árvore)  Quando o funcionário Psicologicamente Bem não estiver não, Não vá ao ambie...