Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

QUEM É O CULPADO DE TANTA PROSTITUIÇÃO?

Imagem
Eu estive observando As atitudes do Sistema Governamental do país E descobri o problema

Do país ter prostituição Assim sem nenhum freio. Quando eu adolescente, Eu via nos lares alheios

Uma postura diferente Que, se ainda existisse A prostituição não teria Deixado o país tão triste

E assim desmoralizado. Os rapazes não podiam Desonrar uma jovem, Porque os pais faziam

Um casamento forçado, E para não acontecer, Amavam com respeito, Com alegria e prazer.

Hoje em dia já é assim, Um desonra e outros Ficam como amantes, Isso é coisa de loucos.

E o sentido da família Fica perdendo o valor. Ainda o Sistema do país Sempre se preocupou

Em lançar preservativos De graça para o povo, Que frequenta festas Públicas, isso é algo novo,

Mas depois ficam na tevê Condenando a prostituição E querendo dar um jeito, Vejo isso como tapeação.


Mário Querino – Poeta de Deus 

CACHORRO VISITA O SETOR DE TRABALHO DO POETA MÁRIO QUERINO

Imagem
Hoje um cachorrinho veio No meu setor de trabalho, Obviamente eu creio Que seja bom seu atalho.

Então ele posou bem feliz Para ser bem fotografado, Hoje, então o Poeta quis Deixar tudo bem revelado

Para este mundo inteiro Ver como é muito lindo Este amigo verdadeiro Do Poeta Mário Querino.

O cachorro é engraçado, Ficou muito bem na foto, Por isso já é publicado E falar sobre ele eu gosto.

Mário Querino – Poeta de Deus

GAROTA JOANA POSA NO JARDIM DO CMTSM

Imagem
A garota Joana posou Em nosso lindo jardim, O Poeta lhe fotografou E descreve tudo assim.

A garota Joana no pneu Foi bem fotografada, Claro, o Poeta de Deus Deixa a história anotada.




Sentadinha numa pedra, A garota Joana ali ficou. Como o Poeta carrega Câmara, logo fotografou

Com ordem da mãe dela, Que é amiga do Poeta Que escreve poesia bela Na hora certa e incerta.




A garota Joana apreciou O nosso lindo jardim, Muito contente ela ficou, Pois não tinha visto assim.

Como observou tudo isso, Obviamente no seu olhar, Tudo era bom e bonito, E o Poeta pôde fotografar.




A garota Joana posou Feliz ao lado de um banco, A boa pose ela mostrou, Pra todos é um encanto.

Realmente, a garota Joana Ficou contente da vida,

A TENDÊNCIA DA MENTE É OPTAR POR ALGO PERIGOSO

Imagem
A mente humana é assim, Olhos veem, ouvem ouvidos, Nariz cheira e mente pensa: “É bom, é ruim e é perigo.”

Na verdade, sabe discernir, Mas na hora de escolher A tendência é optar por algo Que logo vai se arrepender.

Entre bom, ruim e o perigo, A mente escolhe o pior, O que só lhe causa danos, Todavia, rejeita o melhor.

O ser humano tem tudo Para viver bem no mundo, Livre de cargo ou riqueza, Quem é do bem pisa fundo

E consegue viver contente. As coisas vão se encaixando, Passam os anos numa boa, Mesmo de algo precisando.

É óbvio, a mente almeja Tudo que vê, o que escuta E tudo que cheira também. Daí então, entra em disputa

O que colocará na prática. O mal procura logo seduzir, Como o bem é espontâneo, O mal luta até conseguir

Os objetivos arquitetados. Dizem que a carne é fraca, O mal aproveita disso E a mente põe em prática.

Daí vêm as consequências E tarde o arrependimento, Passa a viver neste mundo Desfrutando do sofrimento.


Mário Querino – Poeta de Deus   

NINGUÉM QUER SER IDOSO

Imagem
Não sei qual é o motivo Do povo está atribulado, Hoje eu já tenho ouvido, Querem ser aposentados.

Uns dez anos atrás não Queriam ser velhinhos, Eu já vejo preocupação Sobre isso nos mocinhos.

Quando se aposentam Tinge cabelo, puxa rugas E nada lhes contenta, Esta é a minha dúvida,

Ninguém quer ser idoso, E por que se preocupam Com este Sistema novo Da Presidenta da pública?

Vamos lidar e produzir Em nossos anos de vida. A aposentaria há de vir Na necessidade devida.
Quanto mais esperamos Uma boa aposentadoria, Mais velhos ficamos Com a pressa no dia-a-dia.

Não tem coisa melhor Do que trabalhar feliz. Há gente que acha pior, Mas não pensa no país.

Isso é grande fraqueza, É jogar sonhos para trás E viver numa incerteza Até mesmo no que faz.


Mário Querino – Poeta de Deus  

TEMOS UM TEMPO NO MUNDO

Imagem
Geração vem e geração vai E este mundo permanece. Já veio e voltou meu pai, E comigo assim acontece.

Eu já vim a este mundo E breve já o deixarei, Claro, ainda piso fundo Mas do mundo eu sairei.

Ficarão os filhos e netos Para cumprir a missão, E todos tenham sucesso Vivendo entre a nação.

Este mundo não é cruel, Nós que temos um tempo, Depois voltaremos ao céu Com bom contentamento.

Não deixa de ter alguém Que queira a eternidade Na Terra, e acha que tem Bom sucesso e prioridade.

Geração vai e geração vem, Já foi o meu querido pai, Depois eu irei também, Filhos e netos irão atrás.

Cada qual no seu tempo Sem resistir a morte, Teremos contentamento Se buscarmos boa sorte.

A vida é desta forma, Vem feliz e volta ao céu. Ninguém se conforma, Mas a morte não é cruel,

Ela cumpre a sua missão. Quem não quiser morrer, Não venha à Terra, irmão, Vindo, a morte tem prazer.

Mário Querino – Poeta de Deus

SAUDADES DE ANTÔNIO PEREIRA

Imagem
Hoje completa um ano Que meu pai foi pro Céu, É neste cantinho baiano Que tiro o meu chapéu

Para agradecer a Deus Pelos anos que meu pai Neste lugarejo viveu Com júbilo e muita paz.

Ele chegou aos 87 anos, Se dedicou ao labor, Sempre vivia tocando Esta música com amor.

Meu pai sempre ouvia “Castelo de Sonhos” Por isso neste lindo dia Eu agora me proponho

Tocar com recordação. E fazer algo que o meu Pai fazia com paixão Quando abria o Bar seu.

Com certeza os anjos Estão no Céu contentes, E do cantinho baiano Contemplo felizmente.

Esta música faz lembrar De meu saudoso pai. Ele botava para tocar E achava linda demais.

Agora, depois que eu Quase todo dia ouço, Lembro do pai meu E já tenho bom gosto.

Eu prestando atenção A letra desta música, Comove meu coração, Sem nenhuma dúvida.

De fato, é muito linda, E repleta de emoção. Vou ouvi-la mais ainda Com prazer e paixão.


MINHA VIDA É CHORAR

Meus olhos vermelhos, Contemplo no espelho O quanto choro por você. Você partiu e me deixou Sem o seu grande amor, E agora vivo para sofrer.

A minha vida é chorar E choro sem parar, Pois tenho falta de você. Se você não voltar, amor, Para eu sentir seu calor, De tristeza vou morrer.

Não consigo mais dormir Sem ter você comigo aqui Neste lar tão solitário. Me levanto cedinho, Tomo o meu caminho Sem marcar mais horário.
Só sei a hora que eu saio, Às vezes até me atrapalho Porque vivo sem sentido. Talvez, se você voltasse E minha vida mudasse, Voltaria o meu sorriso.


Mário Querino – Poeta de Deus

TORRE DA PRAÇA DA IGREJA DO DISTRITO DE BANANEIRAS É REERGUIDA

Imagem
Hoje à tarde foi levantada A torre da Praça da Igreja Do Distrito de Bananeiras. O Vereador Jau que deseja

Ver a praça bem iluminada, Procurou logo providência. Então hoje, os funcionários Vieram com boa veemência



E levantaram a torre de luz Que fica de frente a Igreja. Claro, voltará a iluminação Que todo mundo já almeja.

Erguê-la não deu trabalho, Foi fácil fixar em pé a torre. Pelo desejo do Vereador Jau, A praça já terá esplendores.



Claro, agora a torre já está Levantada no meio da praça, Ainda não tem iluminação, Pois fazer um reparo falta.

Porém, já está quase pronta, Se tudo ocorrer muito bem, A boa iluminação da praça, Realmente, sem atraso vem.


Mário Querino – Poeta de Deus 

QUE SENTIDO TEM O VIVER?

Imagem
A saudade dela me traz Um fogo que é capaz De queimar meu peito. Assim eu virarei cinza, Pois não vejo a menina Que tem o melhor jeito

De apagar grande fogo. Agora vivendo nervoso, Sem tê-la no coração. A falta me deixa doente, Vivendo tão indiferente E morrendo de paixão.

A vida perde a alegria De viver cada dia Chorando por falta dela. Não me manda bilhete, Já perdeu seu interesse De eu ficar feliz com ela.

Assim perco o sentido, O mundo fica perdido E eu prefiro morrer. Se ela vive longe de mim, Pra eu continuar assim? Que sentido tem o viver?

Mário Querino – Poeta de Deus

QUAL É A SUA REAÇÃO SE ALGUÉM PISAR NO SEU PÉ?

Imagem
Alguém pisou no meu pé E depois pediu desculpas. Falei: Não tem problema, O amigo não se preocupa,

Pois você não pisou no pé, Mas sim no meu sapato. Depois só passar um pano, Fique frio, ruim não acho.

Quando eu em casa chegar Vou tirar o meu sapato, Limpar numa boa, amigo, Caso precise de novo, calço

E tudo continuará na paz Entre eu e você concidadão. Assim tudo ficou resolvido Sem nenhuma confusão.

Mário Querino – Poeta de Deus  

DISTANTE DELA É MORRER NA SOLIDÃO

Imagem
Já me apaixonei por ela, Agora eu distante dela É morrer na solidão. Sinto falta dos abraços, Aumento meus passos E sigo a sua boa direção.

Não vale o que vão falar, Mas com ela vou estar Matando meus desejos. Não aguento viver assim, Vou continuar até ao fim À procura de seus beijos.

Esta estrada é comprida, Mas quero tê-la na vida Para me fazer bem feliz. Ao vê-la longe de mim Eu fico pensando assim: Por que ainda não quis

Ficar bem do meu lado, Ver como sou apaixonado Por ela neste cantinho? Ela precisa de tudo saber E comigo contente viver, Auferindo meus carinhos.


Mário Querino – Poeta de Deus