quarta-feira, 31 de julho de 2013

INVERNO ESTÁ CONTROLADO NO DISTRITO DE BANANEIRAS




Hoje a tarde caiu contente
No Distrito de Bananeiras
Uma chuva para a gente
Se alegrar a tarde inteira.


De vez em quando a chuva
Alegra bem o nosso povo.
Muitos carregam a dúvida
E temem sofrer de novo.


Mas Deus é generoso sim,
E nos enche de esperança.
Devemos crer até ao fim
E louvar com constância.





Hoje à tarde a Rua São José
Estava bonita e animada.
Muita gente subia a pé,
Obviamente sem falar nada.


O sol também aparecia
Com muito esplendor,
Está sendo um lindo dia,
Graças ao nosso Senhor.


Agora está garoando,
É muito bom para nós
Neste cantinho baiano,
Onde ouvimos uma voz...


Mário Querino – Poeta de Deus 


Poeta Mário Querino 

D. MARLENE VISITA O CMTSM DO DISTRITO DE BANANEIRAS

D. Marlene - Conterrânea do Poeta Mário Querino 31/07/2013


D. Marlene visitou
O jardim do CMTSM,
D. Marlene ficou
Como ela pretende

Contente e bem feliz.
Ela é uma pessoa
Que todo mundo diz
Que ela é gente boa.

Ela é conterrânea
De Mário Querino,
E nesta terra baiana
Tem o amor divino.

Claro, ela foi colega
De Mário Querino.
A gente ainda carrega
Este tempo lindo.

Todos de Bananeiras
São bons e modestos,
E elogio à vida inteira
Em meus versos.

Se eu fizesse poesia
Usando os nomes,
Teria mais alegria
E seria bom homem

No canto nordestino,
Terra de D. Marlene,
De Mário Querino
E do jardim do CMTSM.


Mário Querino – Poeta de Deus 

Poeta Mário Querino 

terça-feira, 30 de julho de 2013

PEDRINHO VISITA O DISTRITO DE BANANEIRAS, SUA TERRA NATAL



Meu amigo Pedrinho
Visitou nosso Distrito,
Com amor e carinho
Deus nos mostra isso.


Pedrinho teve tempo
E fez visita no Colégio.
Foi um bom momento,
Momento de privilégio.


Pedrinho e Mário Querino
Posaram felizes no jardim,
Foi um encontro lindo
Pedrinho é bom amigo sim.





O Vereador Jau também
Posou ao lado de Pedrinho,
Muita alegria o jardim tem
E recebe todos com carinho.


Pedrinho é meu conterrâneo
E chegou de Simões Filho,
Que é um cantinho baiano.
Meu Distrito tem brilho


Com a presença do amigo,
Que passou a sua infância
Brincando e estudando comigo.
Agora vivemos de lembranças.


Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 

DEVEMOS TEMER A DEUS OU AO PREGADOR?

Poeta Mário Querino 30/07/2013


Alguém perguntou assim:
“Amigo, sua religião é boa?”
Falei: Por que inquire assim,
Se isso depende das pessoas?


Toda religião pode ser boa,
Se seus membros são bons.
Ninguém serve a Deus à-toa,
Todos são aceitos por dom.


Agora cabe a cada membro
Assumir o papel de cristão.
A fé é pessoal, disso entendo,
Mas só temos boa religião


Cumprindo seus preceitos,
Os quais Deus determina.
Andando de qualquer jeito,
Claro, afetamos a doutrina.


Em meu ponto de vista,
Mudar de religião é besteira,
E com certeza o Senhor fica
Observando essa maneira


De pensar, falar e agir assim.
Quando queremos ser bons,
Até mesmo entre os ruins,
Usaremos os nossos dons


Com inteligência, sabedoria
E resgataremos desse meio
Para uma vida de alegria.
Falo assim porque eu creio


Que religião só transforma
Se o seu povo for honesto,
Observa bem suas normas
E cumpre os seus decretos.


Alguém comentou chocado:
“Você tem muita razão,
Nós que devem ser mudado,
E jamais a nossa religião.”


Eu falei: Se buscarmos religião
Que não tenha ninguém ruim,
Acabemos numa solidão
E ficaremos sós até ao fim.


Religião não munda ninguém,
Nós que mudemos o jeito
E a índole que a gente tem,
Observando os preceitos.


Um dia cheguei ao nosso rio,
Encontrei pessoas religiosas
Fazendo comentário sem brio,
Ao ver-me ficaram nervosas


E alguém falou bem assim:
“Desculpa Mário Querino!”
Eu disse: Não tema a mim,
Porque estou vos ouvindo.


Mas tema ao Senhor Deus,
Que sabe da nossa intenção.
Daí alguém me respondeu:
“Certamente, não vejo razão


Para temer ao Mário Querino,
Mas sim ao nosso Senhor
Que sempre está ouvindo
O que é contra ao Pregador.”


Mário Querino – Poeta de Deus 

segunda-feira, 29 de julho de 2013

O SENHOR FEZ O SOL APARECER


Poeta Mário Querino 29/07/2013


Que sol aceso no Distrito
Onde vive o amigo Poeta!
O povo agradece por isso,
Porque a Natureza é certa.


O final de semana chuvoso,
Nosso rio chegou a encher.
O tempo foi maravilhoso,
O Senhor fez o sol aparecer.


Quando precisar de chuva,
Deus nos manda contente.
Basta pedirmos sem dúvida
E no tempo mais carente.


O Senhor está pronto sim,
Para contente nos atender.
O Senhor não é um Pai ruim,
Nós precisamos obedecer


O que Deus nos determina.
A bênção demora aparecer,
Não é culpa da ação divina
É porque solicitam sem ter


Nenhum projeto na vida.
É lícito colocar a primeira
Pedra na obra pretendida,
Após veremos a derradeira.


Não devemos pedir a Deus
Uma verba sem Projeto,
Senão, os recursos seus
Não terão endereço certo.


Tem razão do nosso país
Está assim tão mal visto.
Pois solicitam verba feliz
Sem projeto e nem previsto.


Daí a verba toma direção
Completamente errada.
Ouço a palavra corrupção,
E deixa a nação difamada


Quando pedirmos a Deus
Coisa de suma importância,
Ele atende como já atendeu
Ao que tem fé e confiança.


Mário Querino – Poeta de Deus


DEUS PROGRAMA TUDO QUANDO QUER FAZER ALGO




Hoje o sol está bom,
Apareceu com vontade
De secar os feijões
Do povo da localidade.


Deus muda o tempo
Quando Ele determina,
Depende da vontade
E dessa força divina.


Mas Deus atende feliz
Todos os nossos pedidos.
É bom nós recebermos
E ficarmos agradecidos.


A chuva cai muito feliz
Aos finais de semanas,
Deus é bem organizado
E tudo Ele programa.


Deus não faz nada à-toa,
Achamos que é de mais,
Por não agradecermos
As boas dádivas do Pai.


O povo não pede com fé,
E ao pedir não sabe
Agradecer o que ganhou.
Deus tudo isso percebe.


Então acha que é de mais
Por já está bem saciado.
E não tem a delicadeza
De falar: "Deus, obrigado,


Agora dê um tempo.
Pois já temos o bastante.
Ajude outros irmãos,
Eles são importantes."


Mário Querino – Poeta de Deus


domingo, 28 de julho de 2013

RIO AIPIM CRUZA FELIZ O DISTRITO DE BANANEIRAS




Hoje fui visitar o rio Aipim
E fiquei contente da vida,
Ao ver maravilhoso assim
Nesta região tão querida.


Este rio é bem conhecido
Como Rio da Ponte.
É ele quem recebe amigos
E dá acesso ao horizonte.





Visitei o Rio da Passagem
Com lembrança e emoção,
Cruzava-lhe com coragem
Para ver Maria no Riachão.


Hoje lhe vi transbordado
Com uma beleza profunda.
Isso me deixa apaixonado.
Hoje as baixas o rio inunda.





Fui feliz ao Rio da Vargem,
Onde tomei muitos banhos.
Hoje lembro com saudade...
Hoje, às vezes até estranho.


O Rio da Vargem está cheio,
E realmente, muito bonito.
Agora ficará assim, eu creio,
Sempre cruzando o Distrito.





Também visitei a Barraginha
Que está linda até de mais.
É uma grande alegria minha
E motivo para louvar ao Pai,


Que é tão generoso assim
Para com todo o seu povo.
Estou feliz com o Rio Aipim,
Pois o vejo repleto de novo.


Mário Querino – Poeta de Deus 

Poeta Mário Querino 

sábado, 27 de julho de 2013

QUEM SUPLICA DEVE AGRADECER AO GANHAR

Pesquisada no Google 27/07/2013


Ouvi agora a canção,
“Súplica Cearense”
O autor tem a razão,
Embora, não penses


Que Deus foi ruim
Por ter mando chuva,
Tanta chuva assim
Valendo uma dúvida


Desse grande autor.
Deus ouviu o pedido
E chuva lhe mandou.
O autor ficou perdido


Sem saber agradecer
E Deus lhe esperando.
Daí Deus fez chover
Até ficar reclamando.


O autor teve pobreza
E precisão de suplicar,
E não teve delicadeza
Para dizer que já dá...


Com certeza se o autor
Dissesse para Deus:
“Já basta meu Senhor,
Aqui tudo já encheu.”


Obviamente o Senhor
Ouviria com atenção
Esse grande autor
Desta bonita canção.


Quantas vezes Deus
Já atendeu este povo,
Mesmo longe do seu
Preceito maravilhoso?


Se alguém pedir algo
Ao Senhor nosso Deus,
Deve ser também grato
Por tudo que recebeu.


Hoje o nosso rio está
Realmente entornado,
E a chuva sem parar,
Deus deixa controlado


Este tempo que é d'Ele.
Por isso quando alguém
Chegar com fé até a Ele,
A chuva para também.


O autor só foi culpado,
Porque pediu, pediu...
Ao ganhar deixou de lado
Depois o resultado viu.


Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 


  

MARIA, A MÃE DE VOCÊS É VIRGEM COMO DIZEM?

Poeta Mário Querino 27/07/2013


Um irmão evangélico
Perguntou bem assim:
“Você acha isso certo?
Sendo, aclare para mim:


Maria, a mãe de vocês
É virgem como dizem?”
Então com saber falei:
Realmente você é livre


Para pensar, falar e agir
Como você pretende,
Mas pelo que ouço de ti,
De nada você entende.


Quando Deus disse que,
Uma virgem daria à luz,
Ele não teria este saber
Que Maria grávida de Jesus


Não seria mais virgem?
Como Ele disse que Maria
Daria a luz assim tão livre
Como outra grávida daria?


Pois na minha concepção,
Quando uma fêmea tem
Uma ralação sexual, não
Continua virgem também.


Mas vemos a altercação
Entre Maria e as demais
Varoas da nossa geração
E dos nossos ancestrais.


Só vou citar um exemplo
E você reconhecerá Jesus.
Quando você está dentro
De sua casa e põe uma luz,


Você pode evitar ela passar
Pelas boas portas de vidro?
Então se Jesus é uma Luz,
Não precisou ser destruído


O corpo de Nossa Senhora.
Deus sabe o que faz na vida
De um irmão que implora,
Não adianta carregar a Bíblia


Sem entender a sua Palavra.
Então o irmão abaixou a vista
Sem poder falar mais nada.
É assim que o Poeta explica.


Mário Querino – Poeta de Deus


SÁBADO SORRIR À-TOA PELA CHUVA QUE CAI

Rua João Lopes, Distrito de Bananeiras - Terra do Poeta Mário Querino 27/07/2013


Hoje é sábado e está
Caindo uma chuva boa,
Os vegetais vão ficar
Rindo para as pessoas.


Animais pulam de ledice
Neste chuvoso sábado,
Os rios não vivem tristes,
Tanques estão sobejados,


Riachos sorrindo à-toa
E a terra está bem aguada.
Agora todas as pessoas
Vivem de fato, animadas.


Já choveu a noite inteira
E amanheceu chovendo
No Distrito de Bananeiras,
Todos estão agradecendo.


O Senhor é bem generoso
Para com a sua gente,
Dá-nos este sábado gostoso
Para vivermos contentes.


Mário Querino – Poeta de Deus


Poeta Mário Querino