NÃO SE APEGUE NO QUE NÃO SERVE PARA NADA

Poeta Mário Querino 16/11/2015


Eu lendo a Bíblia Sagrada
E procurando entender,
Coisas já foram tiradas
Da posse do meu poder.


Cada dia que se passa
Vou descobrindo algo
Que me impede a graça
De eu ser abençoado.


Contemplei o Escritório
E fiz uma boa limpeza,
Tudo que era notório
Sem me trazer certeza...


Eu já peguei consciente
E já desconsiderei sim.
Já tenho Deus presente,
O qual ouve até ao fim.


Agora adoro ao Senhor
Em espírito e verdade,
Tudo para trás já ficou
E sigo outra realidade.


Eu já tenho outra visão,
A presença do Deus vivo,
Se alegra o meu coração,
Ando com paz e regozijo.


Deus está onde eu estou
E cada dia sou diferente.
Por isso limpando estou
E tornando mais crente.


Se não serve para nada
Estou me desapegando,
Já estou tirando de casa
E testemunho mostrado.


Hoje eu estava no setor
Do meu típico trabalho,
Vi algo vindo do Senhor
Para melhorar o atalho.


Fui tocado pelo Espírito,
Indo à Bíblia Sagrada,
No Salmo 115, li o escrito
E meditei nas palavras.

Entendi tintim por tintim,
O Espírito me orientando,
No Escritório disse assim:
“Estão somente ocupando


Espeço neste Escritório.”
Daí comecei a tirá-los,
Eram apenas acessórios
E vou desconsiderá-los.


O Escritório ficou limpo
O Espírito Santo tomará
Posse. Agora eu já sinto
Que Deus me abençoará.


No que tinha mais apego,
Vejo se distanciar de mim,
Pois descobri o segredo
Para ser feliz até ao fim.


Isso já acontece comigo
E pode incidir com você.
Deixe o morto excluído,
Adore a Deus com saber


E com inteligência ainda,
Sirva em espírito e verdade,
E verás as bênçãos divinas,
E terás um lar de felicidade.


Mário Querino – Poeta de Deus    

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

KELVYN, O BANANEIRENSE RECÉM-NASCIDO, MORRE ANTES DE VER A LUZ DO DIA

MÁRTIR TIRADENTES

EQUIPE DO CREAS FAZ PALESTRA NO COLÉGIO MUNICIPAL DO DISTRITO DE BANANEIRAS