domingo, 26 de fevereiro de 2017

SEPULTAMENTO DO SR. ALCIDES ANTÔNIO NO CEMITÉRIO DA PAZ DO DISTRITO DE BANANEIRAS



Às 08 horas e 08 minutos
O povo foi se chegando
Com seu coração de luto
Na casa do conterrâneo




E amigo Alcides, que já
Foi para outra Dimensão.
O povo sem nada falar
Conduzia o seu caixão.



Indo pela Rua São José,
Direção ao Cemitério,
Todo mundo indo a pé
Com um pranto sério.




Deixando a Rua São José
E indo pela do Cemitério.
É claro, ninguém quer...
Mas isso não é mistério.




Já chegando os passos
Finais e aberto o portão,
O povo usa o espaço
Para sepultar o caixão.


Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 26/02/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A LÍNGUA É UM ÓRGÃO INCAPAZ DE SER CONTROLADO, POR ISSO NÃO LEVE EM CONSIDERAÇÃO O QUE ELA FALAR MAL SOBRE TI

Poeta Mário Querino 18/08/2019 Como saber se alguém Fala mal da gente? Pelo que a gente faz Já é sim o suficiente Para...