VOCÊ TEM NECESSIDADE DE DEUS?

Poeta Mário Querino 24/02/2017


Alguém perguntou assim:
“Você tem necessidade
De Deus”? Notei até o fim
E respondi com verdade:


Eu não tenho necessidade.
Alguém ignorando disse:
“De fato, então na verdade
Você é um homem triste!”


Daí eu repliquei com saber:
Quando se tem algo na vida,
Alguém pode então dizer
A todo mundo que precisa,


Se a sua casa está repleta?
A minha mãe já me dizia:
“Durante sua vida não peça
O que você tem todo dia.”


Tem gente que fica chorando
Pedindo um carro a Deus,
Logo após está andando
No carro novo que Deus deu.


Mas é grande a insatisfação,
E começa a chorar de novo
Pedindo um caminhão,
Para ter mais entre o povo.


Cara, tu pediste ao Senhor
Carro velho, Ele te ouviu
E um carro novo mostrou.
Isso todo mundo já viu


E já dão glórias ao Senhor,
Por teu grandioso presente.
Deverias erguer teu clamor
Agora por outra gente


Que então está precisando.
Tem gente que pede, pede...
Neste cantinho baiano,
E quase nada na vida recebe.


Porque só fica pedindo
Para ter um bom negócio.
Fica de joelhos insistindo:
“Senhor, nos dê o pão nosso...


Não nos deixe faltar nada
Que precisamos comer.”
Claro, está repleta sua casa,
Mas não para pra agradecer.


Não para pra pensar bem,
Que muitos irmãos estão
Nos seus barraquinhos sem
Esse indispensável pão.


Eu não tenho necessidade,
Se Ele está 24 horas por dia
Para me mostrar a verdade
E me dar à boa Sabedoria


Para eu viver com o povo
Usufruindo o que tenho.
Por que vou perder o gozo
Dizendo que eu venho


Tendo necessidade de Deus
Se Ele está sempre comigo?
Dá a entender ao povo seu
Que o Senhor está escondido


E não está presente não.
Por isso eu confesso assim:
Quem tem Deus no coração
Responde igual a mim.


Mário Querino – Poeta de Deus 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

LIVROS DOADOS POR RONIWALTER JATOBÁ CHEGARAM HOJE AO COLÉGIO DO DISTRITO DE BANANEIRAS EM PAZ

SEPULTAMENTO DE GILMÁRIO (PICHOLA) FOI REALIZADO DEPOIS DAS 17 HORAS NO CEMITÉRIO DA PAZ DO DISTRITO DE BANANEIRAS