terça-feira, 19 de julho de 2011

COM PRAZER E ENCANTO

Pesquisada no Google


Hoje amanheceu um dia
Realmente claro e romântico.
Fui trabalhar com alegria,
Prazer e com muito encanto.

Daí a pouco começou
Uma chuvinha bem fria.
Obviamente chorou
A minha querida Maria.

A dor de uma saudade é
Cruel e muito profunda,
É dor que ninguém quer,
É como dilúvio que inunda

Todo o planeta Terra.
A chuvinha foi passageira,
Logo desapareceu na serra
Do Distrito de Bananeiras.

Na verdade o sol ficou
Escondido sem aparecer,
Com tudo o dia clareou
Quando parou de chover.

Mário Querino – Poeta de Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A LÍNGUA É UM ÓRGÃO INCAPAZ DE SER CONTROLADO, POR ISSO NÃO LEVE EM CONSIDERAÇÃO O QUE ELA FALAR MAL SOBRE TI

Poeta Mário Querino 18/08/2019 Como saber se alguém Fala mal da gente? Pelo que a gente faz Já é sim o suficiente Para...