SEJA A VONTADE DO SENHOR

Poeta Mário Querino 07/03/2017


Alguém assim indagou:
“Deus, quando virá chuva
E encher o rio que secou?”
O seu amigo, sem dúvida,


Disse: “Não é apressado
O Senhor Deus por chuva.
Pois no tempo marcado,
Ora, este clima Ele muda.


Deus quer que deixem
As atitudes más que têm.
Por mais que se queixem,
Deus está vem muito bem


Toda a nossa necessidade,
E já está sentindo nojo
De toda essa iniquidade
Que pratica esse povo.


Deus espera esse povo
Renunciar urgentemente,
Porque o Dia Grandioso
Já está próximo da gente.


Agora eu lhe pergunto:
Já lhe faltou a água?
Já lhe faltou o assunto
Sobre a correta Palavra,


Para ficar endurecido?”
Então alguém pensou,
Depois falou para o amigo:
“Seja a vontade do Senhor.”


O amigo assim seguiu
Com a sua boa palavra:
“Deus sempre ouviu
Nossa voz e vê lágrimas


Derramadas nesta Terra.
Já chorou arrependido
Pelo fogo posto na serra?
Pelos danos já concluídos


A ponto de obter lucros?
Já parou para pensar
No sofrimento de brutos,
Por falta de você cuidar?


Já pensou na sua família
E também nesse povo
Que nesta terra trilham
Gritando por socorro?”


Mais uma vez alguém,
Pensa, pensa e chora.
E em soluços mantém
A frase de outrora:


“Seja a vontade do Senhor.”
E assim alguém entendeu
Que não é como ele pensou,
Porém, como quer Deus.

Mário Querino – Poeta de Deus 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

ADOLESCÊNCIA DE MARIA JOSÉ

DIA MUNDIAL DA SAÚDE