terça-feira, 8 de agosto de 2017

NÃO É CERTO SE PEDIR DESCULPA POR UM FEITO CONSCIENTE, POIS JÁ É CIENTE DAS CONSEQUÊNCIAS

Poeta Mário Querino 08/08/2017


Hoje antes das 6 horas
Fui fazer uma retificação
No piso da casa de Acaz,
Pus ontem sem atenção


E cometi um erro sim,
Por obedecer orientação
Do meu auxiliar que fez  
Eu aceitar a sua opinião.


Mas por ser consciente,
Enquanto ele dormia,
Fui à obra e desmanchei
Tudo pra fazer neste dia.


Porque o inocente não
Merece crítica e castigo,
Mas o ciente deve pagar
O preço pelo cometido.


Como não sou cúmplice
De algo errado na Terra,
Prefiro ter um prejuízo
Neste meu pé de serra,


Do que admitir ciente
Aquilo que a consciência
Me acusa ao deitar,
A minha mente pensa.


Enquanto não retifico
A minha vida fica
Sem ânimo e sem graça
E com razão tem crítica.


Não há motivo pra pedi
Desculpa por erro ciente.
Não seria melhor pensar
Nas implicações à frente,


Para não se arrepender
De coisa feita espontânea?
Quando a gente se domina,
Satanás jamais ganha.


E a minha mãe já me dizia:
“Não adianta chorar
Quando o leite é derramado.”
Bom é estudar e ciente ficar.


Tem gente que aproveita
As pessoas dormindo
Para destruir algo feito,
Já o Poeta Mário Querino,


Aproveita para consertar
O que está malfeito.
Pra quando quem dorme,
Se acordar, fique satisfeito.

Mário Querino – Poeta de Deus


Nenhum comentário:

Postar um comentário