POETA MÁRIO QUERINO PASSOU A MANHÃ NA CIDADE DE PINDOBAÇU



Hoje, eu saindo de casa,
Do Distrito de Bananeiras,
Para falar com Dra. Ágda,
Passei a manhã inteira


Na cidade de Pindobaçu.
Minha esposa Maria deixei,
E disse: Que saudade de tu!
Mas esta saudade matarei...


Lá, eu só desfrutei alegria,
Ainda longe do meu amor.
Por isso neste lindo dia
Agradeço ao meu Senhor


Por tudo que por mim Ele faz,
Por dialogar com Dra. Ágda,
Pelo mingau bom demais,
De milho, leite, açúcar e água.




Eu com esta convicção sim,
Que a linha de pensamento
Que o Senhor dá para mim
Já está realmente dentro


Dos nossos padrões sociais.
E quem ousar comentar
Que há ideias descomunais,
Dra. Ágda já pôde observar


A linha do meu pensamento
E achou que está normal,
Minhas ideias estão dentro
Deste nosso padrão social.


Quem ousar falar um pouco,
Fale com prazer e alegria,
Me chame até de louco,
Mas, estou bem neste dia.




Assim observou Dra. Ágda,
Minha querida Psicóloga.
Se tu és uma pessoa sábia,
Faça uma restrição nova.


Mas fico com a observação
De Dra. Ágda, que analisou
Minha conversa e opinião
Quando cauta me escutou.


Claro, quando eu terminei
De dialogar com Dra. Ágda,
Com muita satisfação voltei
Para ver Maria José em casa.


Também eu tive um direito
De visitar um lugar bacana,
Lá fui fotografado satisfeito,
É claro, esse lugar é Lutanda.  

 Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 30/08/2017



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

ADOLESCÊNCIA DE MARIA JOSÉ

DIA MUNDIAL DA SAÚDE