QUEM NÃO SABE, PENSA QUE PODE



Às vezes já usei imagens
No meu voluntário Blog,
Para ilustrar mensagens,
Agora, sei que não pode.





Peço desculpas por isso,
Não usarei mais nada
No cantinho do Distrito
Nas poesias inspiradas.



O que fiz foi por pensar
Que eu podia fazer isso,
Se na Internet eu publicar,
Algo, porque pode ser visto



Copiado e compartilhado.
Porque tenho a convicção
Que será bem analisado
E passado para a nação.



Mais uma vez, me desculpa
Agora eu só farei de mim,
E eu já deixarei pública,
E seguirei assim até ao fim.



Mário Querino – Poeta de Deus 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

ADOLESCÊNCIA DE MARIA JOSÉ

DIA MUNDIAL DA SAÚDE