POETA MÁRIO QUERINO PRENDE AS TELHAS DA CASA DE SEU FILHO ALEJANDRO, COM MASSA PARA FICAR CERTAS E MAIS SEGURAS




Está observando aquele cara
Ó amigo? É Mário Querino!
Já criou uma coragem rara,
Naquela altura está subindo.


Mesmo sendo um Poeta,
Com fé sobe naquela altura
Para deixar as telhas certas
E também mais seguras.




Já pôs massa na cumeeira,
Para acertar e segurar bem
As telhas e evitar pingueiras,
Pois as chuvas sempre vêm.


 E por grande necessidade,
O Poeta subiu pensando,
Ainda com pouca coragem,
Na casa de seu Alejandro.




Certamente o telhado está
Pronto pra receber chuvas,
Ele pensa que não vazará,
Pois realizou sem dúvidas.


Ainda as bocas de telhas
Foram feitas com alegria,
O Poeta usou uma boa areia,
Água e cimento nesses dias...

Mário Querino – Poeta de Deus

Poeta Mário Querino 18/03/2018


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÁRTIR TIRADENTES

ADOLESCÊNCIA DE MARIA JOSÉ

DIA MUNDIAL DA SAÚDE